Muçulmano aceita Jesus após “caçar” Deus na Bíblia

  • 16/02/2024
Muçulmano aceita Jesus após “caçar” Deus na Bíblia
Muçulmano aceita Jesus após “caçar” Deus na Bíblia (Foto: Reprodução)

Denis Falcon cresceu em uma família muçulmana na Flórida, Estados Unidos, e começou a questionar o Islã na infância.

Apesar de seus pais acreditarem em Alá, eles o viam como um deus distante e julgador. Por isso, eles ensinaram a Denis que ele precisava fazer muitas coisas boas na esperança de chegar ao Paraíso (Céu).

À medida que Denis crescia, ele perdeu o interesse pelo Islã. “Eu era uma daquelas crianças que nunca acreditaria em algo simplesmente porque minha família acreditava nisso”, disse ele em seu canal no YouTube.

Com o tempo, ele se afastou ainda mais das crenças de sua família e tentou se conectar com outras religiões: “Tentei de tudo, não funcionou”. Para Denis, Jesus era a última opção.

Se rendendo ao Salvador

Denis odiava Jesus e não queria ter um relacionamento com ele. Mas, naquela época, ele estava tão sedento em encontrar a verdade, que começou a ler a Bíblia.

Durante as madrugadas, ele começou a “caçar” Deus, para descobrir quem Ele era.

“Eu não sabia por onde começar, não sabia o que deveria ler e o que seria importante”, contou Denis.

E continuou: “Quanto mais eu lia, mais isso perfurava o meu coração e a Palavra começava a ganhar vida para mim”.

Denis disse que muitas pessoas param na religião, mas é preciso combinar as Escrituras com um encontro pessoal e transformador para sustentar a fé.

Ele estava lendo a Bíblia, porém, só depois de ter encontros pessoais com Deus é que ele entregou seu coração a Cristo.

Problemas familiares

Denis mudou seu modo de agir e falar depois que conheceu Jesus. Sua mãe notou essas mudanças e, com medo, ele passou a negar que estava lendo a Bíblia.

Um dia, enquanto fazia seu devocional, Denis leu a passagem em Mateus 10:32-33, que diz:

“Portanto, qualquer que me confessar diante dos homens, eu também o confessarei diante de meu Pai que está nos céus. Mas aquele que me negar diante dos homens, eu também o negarei diante de meu Pai que está nos céus”.

A partir desse momento, ele contou a verdade para a família, que em seguida, o rejeitou.

Denis chegou a uma conclusão. As consequências de perder os pais não chegavam perto das bênçãos de poder confessar abertamente a sua fé em Jesus.

“Eu estava livre. Abençoados são aqueles que são perseguidos pelo nome de Jesus”, afirmou ele.

Desde então, ele compartilha o Evangelho com seus pais e permanece esperançoso de que um dia eles também reconheçam Jesus como Senhor.

“Quero encorajá-lo a compartilhar sua fé. O Senhor é tão real, não posso deixar de fazer isso. Não posso negá-lo, Ele não me negou. Ele não morreu por mim no privado. Então compartilharei publicamente seu nome para todos verem”, declarou Denis. 

“Oro para que o Senhor o encha de ousadia e lhe dê força, conforto e paz, que você ministre com a ajuda do Espírito Santo e compartilhe a Palavra e sua fé com outras pessoas. Não seja um cristão secreto”, concluiu ele.

 

FONTE: http://guiame.com.br/gospel/testemunhos/muculmano-aceita-jesus-apos-cacar-deus-na-biblia.html


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Anunciantes